Colmatar a lacuna de energia em Angola

Angola
Crédito fotográfico: Antonio Rodrigues Peyneau / Shutterstock.com
Luanda
A Power Africa e o BAD estão a trabalhar em conjunto para aumentar o acesso à energia em Angola. Crédito fotográfico: Andre Silva Pinto / Shutterstock.com

Empréstimo no valor de quinhentos milhões de dólares do BAD a Angola

O mapa mostra a linha de transmissão pretendida de 343 km entre Huambo e Lubango (a verde). As linhas vermelhas são linhas de 400 kV existentes a norte.
O mapa mostra a linha de transmissão pretendida de 343 km entre Huambo e Lubango (a verde). As linhas vermelhas são linhas de 400 kV existentes a norte. Fonte: Relatório de avaliação do projeto ESEEP I do BAD

Fortalecer a gestão de projetos local

  • Determinação das funções essenciais necessárias numa PIU e desenvolvimento de um organograma
  • Avaliação das competências dos colaboradores e fornecer o reforço dos recursos para resolver as lacunas
  • Designação de membros da equipa da PIU para as respetivas funções
  • Revisão dos processos internos e relações das partes interessadas
  • Preparação do orçamento da PIU
  • Configuração de plataformas digitais para a partilha de dados (e armazenamento) e colaboração de documentos (e aprovação)
  • Elaboração dos documentos de aquisição e avisos, e avaliação de propostas (manifestações de interesse, termos de referência, relatórios de avaliação técnica)
  • Facilitar a aquisição de consultores técnicos e profissionais necessários para o projeto
  • Desenvolvimento e implementação de um sistema de gestão ambiental e social
  • Identificação dos riscos e estabelecimento de planos de mitigação
  • Desenvolvimento de uma carta do projeto, estrutura de governação, plano de trabalho e manual

Avançar em altura de pandemia global

“Conseguimos alcançar muitas das metas de aquisição e do projeto, apesar dos vários desafios que 2020 trouxe (que incluíram novas formas de trabalhar) e enquanto PIU da RNT, gostaríamos de agradecer à Power Africa pela função que desempenhou em novembro de 2019 quando estávamos a estabelecer a PIU, e no início de 2020 quando começámos a operacionalizá-la. É com grande entusiasmo que esperamos pela colaboração contínua neste projeto importante que irá beneficiar os cidadãos angolanos no futuro.”

“Estou muito feliz por fazer parte desta jornada emocionante. Aprendi bastante e espero ansiosamente pelo futuro. Graças ao esforço colaborativo e apoio do BAD e da Power Africa, a RNT está no bom caminho para implementar o projeto de transmissão centro-sul”, Engenheira Francisca Pereira, Coordenadora de projetos da PIU da RNT.

Facilitar o comércio da energia regional

Mapeamento do plano de ação de aquisição com a RNT durante um workshop de formação em Luanda em novembro de 2019.
Mapeamento do plano de ação de aquisição com a RNT durante um workshop de formação em Luanda em novembro de 2019. Crédito fotográfico: Power Africa

--

--

--

A U.S. Government-led partnership that seeks to add 30,000 MW and 60 million electricity connections in sub-Saharan Africa by 2030 > https://bit.ly/2yPx3lJ

Love podcasts or audiobooks? Learn on the go with our new app.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store
Power Africa

Power Africa

A U.S. Government-led partnership that seeks to add 30,000 MW and 60 million electricity connections in sub-Saharan Africa by 2030 > https://bit.ly/2yPx3lJ

More from Medium

How to Really Understand the CPI

Does It Matter That Holden’s Dead?

Inflation | Learning by Proxy

Creating a Collective Language: Youth from Northeast Asia Imagine the Future of the Region